Descubra como melhorar sua experiência sexual

Como melhorar a experiência sexual

Em meu trabalho com mulheres com dificuldades sexuais, ou mesmo com mulheres que desejam melhorar sua experiência sexual, sempre foco nos pensamentos, crenças e atitudes em relação ao sexo.

Isso porque desde problemas com desejo até dores nas relações ou dificuldades com orgasmo passam primeiro pela “cabeça”.

O cérebro é o principal órgão sexual humano. É ele quem comanda a excitação, o desejo, a lubrificação e a ereção a partir dos comandos para a produção de hormônios e substâncias que vão estimular e facilitar o prazer.

Quando não trabalhamos a cabeça, o corpo não responde.

Leia também:

Por onde começar?

Em primeiro lugar, estar atenta aos valores e conceitos que se vai absorvendo ao longo da vida sobre sexo e sexualidade.

Conforme vamos crescendo, as mensagens sobre o que é certo ou errado, desejável ou não em relação a sexualidade vão criando padrões, ou seja, jeitos repetitivos, de nos comportarmos em relação a este assunto.

Por exemplo, uma mensagem muito comum que as mulheres aprendem quando crianças é que devem segurar, reprimir ou ter controle sobre suas vontades e impulsos sexuais, pois uma menina que seja muito aberta e disponível sexualmente não é “bem vista” pelos colegas.

Desta forma, a menina vai aprendendo a ficar sempre vigilante em relação a seus desejos sexuais, nunca se permitindo relaxar, por exemplo.

Portanto, estar consciente dos próprios valores é fundamental para não bloquear o prazer.

Leia o artigo o que há de errado comigo? para conhecer três mitos presentes na educação das mulheres que bloqueiam o prazer sexual.

Primeiro passo: Desperte a mente

É preciso dar o alimento certo para o cérebro.

É preciso estimular a cabeça com fantasias, pensamentos sobre sexo, buscar ativamente a sexualidade.

Quanto mais alimentado, mais desejo o cérebro produz.

Algumas formas de alimentar o cérebro: livros e contos eróticos, filmes eróticos, memórias agradáveis, fantasias livres, ou seja, tudo e qualquer coisa que te leve a pensar em sexo e prazer.

Quanto mais pensa em prazer, mais o cérebro o deseja.

Leituras e filmes para estimular o desejo

Segundo passo: Desperte os sentidos

Muitas mulheres têm dificuldades em relaxar e aproveitar as sensações do momento do sexo; isso bloqueia o processo natural de excitação, ou seja, a mulher não consegue ter lubrificação ou ficar excitada o suficiente para ter um orgasmo.

O corpo humano é muito rico em sensações e elas são as bases do desejo e excitação sexuais.

É importante estar totalmente focada no próprio corpo e do parceiro(a), usar e abusar de estímulos visuais, auditivos, dos cheiros, gostos e principalmente de todo tipo de toque, beijo, carícia.

Quando outros pensamentos te distraírem, respire fundo e volte a se concentrar no que está acontecendo. Tudo é questão de treinar a atenção.

Esteja presente

Não dá para ter uma vida sexual incrível sem esforço.

É preciso dedicar tempo e intenção ao sexo e, muito importante, participar de fato.

Muitas mulheres ficam tão preocupadas com sua performance, com ter um corpo perfeito e atraente, com o que o parceiro está pensando e até mesmo ficam pensando durante o sexo se conseguirão atingir o orgasmo, que passam a ser espectadoras e não participantes.

Deixe os medos e preocupações de lado e solte-se! Entre no mundo erótico da sua mente, compartilhe com seu parceiro e por fim esteja presente: estes são os segredos para uma vida sexual plena de desejo, prazer e satisfação.

Vote! Quantas estrelas esse artigo merece?

(8 avaliações, média: 4,38 de 5)
Loading...

Comentários